O que se vê, já não vê ou se vai vendo
Quarta-feira, 2 de Janeiro de 2008
Alçado de 1925

 

 

Vi...

 

Na Manta Rota_Algarve

 

 

 


sinto-me: na busca

publicado por Maria às 14:33
link do post | comentar | favorito
|

2 comentários:
De Júlia a 2 de Janeiro de 2008 às 16:18
Descobri, neste seu blogue, aspectos verdadeiramente extraordinários da arquitectura algarvia. Conheço muito pouco o Algarve. E, verdade seja dita, para conhecer uma terra é preciso tempo e a capacidade para observar pormenores que, por vezes, escapam ao normal passeante.


De Maria a 2 de Janeiro de 2008 às 18:59
Não sou algarvia, embora viva cá há uns anos. Cansada do quotidiano e do cimento que teima em apagar vestígios de muitas gerações, resolvi captar o pouco que ainda por cá vai existindo e mesmo assim, o pouco ou está abandonado ou é conservado pelos estrangeiros , que têm mais paixão pelo que é antigo do que pelos algarvios que só pensam em estrangeirismos...


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

Gruta

Ponte

Brazão de Tavira

Oblisco

Pêra

Monumento à Familia

Gémeas

Nora

Burro

Moinhos de Vento

arquivos

Setembro 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

tags

todas as tags

favoritos

Amizade Virtual, que de v...

online
CERTAS
play backgammonPlay Backgammon
blogs SAPO
subscrever feeds